São Caetano adere a Rede Paulista de Controladorias.

 

 

A Controladoria Municipal de São Caetano aderiu a Repac (Rede Paulista de Controladorias), iniciativa voltada ao intercâmbio de conhecimento e experiências dos órgãos de controle interno do Estado de São Paulo.

 

O ato de assinatura do estatuto de criação da rede ocorreu na última quinta-feira (22), no Theatro Municipal de São Paulo. Quinze cidades paulistas assinaram o termo. São Caetano foi a única do ABC. A presidência da entidade coube a Guilherme Mendes, Controlador Geral da capital. O município da região ficou com a primeira vice-presidência.

 

Para Mylene Gambale, controladora Geral de São Caetano, a rede deverá “fortalecer” os órgãos de controle interno municipais, incentivar as cidades que ainda não têm Controladorias próprias a instituí-las, além da troca de experiências entre municípios para melhora da gestão pública.

 

“Vamos registrar o estatuto, criar o site, definir as contribuições associativas, programar os próximos eventos e avaliar a necessidade de instalação de uma sede física”, explicou a controladora.

 

O estatuto de criação da Rede Paulista de Controladorias prevê que a entidade seja de direito privado, sem fins lucrativos.

 

“O importante é que as Controladorias, ao lado das Corregedorias e Ouvidorias, que são órgãos de controle da administração pública, se dediquem ao preventivo e façam um esforço para participar desses grandes temas enfrentados pelas administrações públicas”, afirmou o secretário da Justiça do Município de São Paulo, Anderson Pomini.

 

A próxima reunião acontecerá em Indaiatuba na primeira quinzena de junho. Os demais encontros serão definidos nesta reunião.

 

Fonte: Destak ABC.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *